Os melhores livros de poesia

Por: redação 13/11/2021 5 min
Melhores livros de poesia

Livros de poesia vão além de um amontoado delas. Por vezes, contam uma história através de suas estrofes e versos. Às vezes, tudo o que as interliga é um tema, seja ele amor, angústia, traição ou uma comemoração específica. No entanto, a rede responsável por conectar todos os livros deste gênero é a intensidade, a arte pura em forma de palavras, disposta a empregar a cada uma delas, demasiado sentimentalismo, seja ele bom ou ruim.

Para te ajudar a encontrar os tesouros do gênero, separamos poeticamente, os melhores livros de poesia; aqueles que você precisa ter em sua estante. 

O INVISÍVEL AOS OLHOS

Se tu vens, por exemplo, às quatro da tarde, desde as três eu começarei a ser feliz. E, mesmo quando eu não sabia o seu nome eu sabia que você existia.

Aos amantes de O pequeno príncipe, este livro é para você. Esta não é uma releitura do clássico infantil, mas também é além de um comum livro de poesia, é romântico, profundo e nostálgico, ao reviver frases de o pequeno príncipe e as completar de forma diferente; sentimental.

Além disso, o livro possui um ponto vital para conteúdo literários de poesia, o design. Baseado em tabelas de cores românticas, cada página é cercada por bordas florais, ilustrações que remetem o pequeno príncipe, além de fontes variantes. 

OUTROS JEITOS DE USAR A BOCA

Você cresceu ouvindo que suas pernas são um pit stop para homens que procuram um lugar para repousar. Um corpo vazio desocupado o bastante para receber hóspedes, mas nenhum nunca chega disposto a ficar.

Os poemas fazem parte de uma coletânea de empoderamento feminino, no qual, os versos expõem o patriarcado da sociedade e o atual lugar da mulher nela. Sendo este, dividido em quatro partes: A dor, o amor, a ruptura e a cura.

Um dos principais motivos do livro estar na lista de recomendação, é o poder de Rupi Kaur em passar uma mensagem poderosa através de poucas palavras; cada verso é impactante e intenso, quase montando um enredo no decorrer dos poemas.

A narrativa é quase bibliográfica, a considerar as problemáticas pessoais expostas nos poemas. Além de, devido a divisão quádrupla, a coletânea montar uma linha temporal evidente das fases do relacionamento da autora.

Outro ponto a se destacar é o papel da tradução. Assim, como músicas para filmes infantis, a tradução de poemas exige trabalho redobrado, afinal, é necessário haver harmonia entre as palavras de cada verso, sem modificar o conteúdo. 

O QUE O SOL FAZ COM AS FLORES

A dor que todas as pessoas experimentam na vida e a leveza que faz com elas vençam tudo isso, suas vidas e suas histórias e seu amor são o que me mantém viva, o que me move a escrever.

Da mesma escritora de “Outros jeitos de usar a boca”, Rupi Kaur, consegue montar quase uma sequência, sem necessariamente o ser. Enquanto, em sua primeira coletânea de poemas, Kaur demonstra a dor e o amor, este, tem enfoque em cura, crescimento e se encontrar. Dividido em quatro partes: Murchar, cair, enraizar, crescer e florescer. Um ênfase de amor em todas as suas formas

Apesar de possuir enfoques diferentes, Rupi continua com mesmo estilo fluído, intenso e complexo, apesar de fácil leitura. Os poemas fluem em mudanças contínuas de tamanho, hora poemas extensos de duas páginas, hora, formado por curtos versos.

Como um desabafo, os poemas parecem terem sido ditos rapidamente em uma única lufada, antes de desistir de se abrir da revelação de seu lado mais sensível. O sentimentalismo é variante no decorrer das páginas, levando o leitor de emotivo à revolta e por fim, empoderamento, quase como um livro de autoajuda.  

RECEITA DE ANO-NOVO

Não precisa

fazer lista de boas intenções

para arquivá-las na gaveta.

Como já dizia o velho ditado popular brasileiro, nos pequenos frascos se encontram os melhores perfumes, e com Receita de ano-novo, não é diferente. O pequeno livro prateado de apenas 96 páginas, possui em si mais intensidade do que muitos produtos de centenas de páginas. Isto, porque o autor, em suas palavras cuidadosas, consegue questionar ao mesmo tempo que exalta, antigos costumes da virada de ano.

Tão metafórico e composto por esperança, quanto promessas de ano novo, este livro retrata por meio de versos simbólicos de Carlos Drumond, uma de suas comemorações favoritas: O ano-novo.

Em certo momento, o leitor adentra a tal ponto as reflexões de Carlos Drummond, que se torna quase a leitura do diário do autor. Isto, porque todos os textos são casuais e do ponto de vista do poeta, como pensamentos expostos livremente em páginas. Assim como, promessas de ano-novo. 

TEXTOS CRUÉIS DEMAIS PARA SEREM LIDOS RAPIDAMENTE

Amor é ter alguém soprando primavera dentro de você enquanto o mundo arranca suas folhas, como um outono.

Relacionamentos são demasiadamente complicados para serem discutidos em alguns versos, certo? Errado. O livro Textos cruéis demais para serem lidos rapidamente, provam com louvor como a poesia possui tamanho poder, ao ponto de conseguir falar sobre diversas problemáticas, por meio da simplicidade de poucas palavras. Apesar de tal apresentação não diminuir o impacto contido em seu significado.

O livro é formado por uma coletânea de textos que fazem jus ao título. Além de apenas amor romântico, o livro retrata amizade, solidão e desilusão. Um mais intenso – e sórdido – que o outro, como se cada virar de página tivesse igualmente, a força de um soco sobre o leitor. É impossível ler e não se identificar com ao menos alguns deles. Com a retratação da dor, superação diária e relacionamentos tratados de forma nua e crua. 

No entanto, sobre a camada de lágrimas, também há o belo exaltar do amor próprio, o mais complicado de se alcançar, mas também o mais precioso, um dos principais responsáveis por nos fazer erguer a cabeça e seguir em frente. 

Além disso, a parte gráfica de ilustrações, evidencia o prazer na leitura e nas nuances de sentimentos, continuamente alterados durante a leitura de Textos cruéis demais para serem lidos rapidamente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cadastre-se agora para receber novidades em seu email!